20.set.2017
benchmarks-facebook-ads

Benchmark de Facebook Ads por Indústria


Todos sabemos que o Facebook é a maior rede social do mundo. O próprio Mark Zuckerberg anunciou, em Julho de 2017, que a rede social conta agora com 1,3 mil milhões de utilizadores diários, algo que não passa despercebido às Agências de Publicidade e de Marketing Digital, que têm vindo a apostar cada vez mais nas ferramentas de publicidade da plataforma.

A grande potencialidade dos Facebook Ads está sobretudo na segmentação. Na ferramenta é possível aplicar quase todo o tipo de segmentações, quer a nível de interesses, quer a nível profissional, o que tem atraído Marketers dos mais variados setores de atividade.
 
Mas serão os bons resultados transversais aos diversos setores? O blog WordStream fez essa análise e estas são algumas das suas conclusões.
 
 
O Click-Through Rate (CTR) médio em campanhas de Facebook Ads 
 
O CTR, mais do que uma simples taxa, representa o interesse que os utilizadores têm num anúncio. O seu valor pode ainda dar várias indicações acerca do grau de adequação do conteúdo publicitário ao contexto em que este se encontra.
 

 
No estudo do WordStream é visível que a média do CTR nos FacebookAds apresenta flutuaçõessignificativas de indústria para indústria. O setor que apresenta o CTR mais reduzido é o de “Emprego e Formação Profissional”, com uma taxa de 0,47%. Acima dos 1% encontram-se os setores de “Vestuário”, “Beleza”, “Fitness” e “Tecnologia” e com valores superiores a 1,5%surgemapenas os setores de “Retalho”e, surpreendentemente, o setor “Legal”, que à partida seria considerado como um mau candidato para campanhas de Facebook Ads.
 
 
O Custo por Clique (CPC) médio em campanhas de Facebook Ads 
 
O CPC, por sua vez, é uma métrica que está altamente dependente de diversas condições, nomeadamente a dimensão da audiência e o grau de concorrência. Segmentar audiências extensas implica competir com um maior número de marcas, o que obrigará a um aumento do CPC para assegurar que o anúncio chega aos utilizadores.Por outro lado, o CPC nos Facebook Ads também pode ser influenciado pela adequação do produto ou serviço ao contexto, pela qualidade dos anúncios e pelo CTR.
 

 
De acordo com o estudo do WordStream, verificam-se diferenças acentuadas ao nível do CPC registado em cada setor. Com CPCs bastante elevados, acima dos $3.00 (aproximadamente 2,50€), encontram-se os setores “Finanças e Seguros” e de “Atendimento ao Cliente”, enquanto os setores “Educação”, “Cuidados de Saúde”, “Legal” e “Tecnologia”registaram valores intermédios. A indústria de “Vestuário” registou um CPC de $0.45 (aproximadamente 0,38€), o valor mais positivo da análise.
 
Estes dados foram recolhidos nos Estados Unidos da América, pelo que é preciso ter em mente que o mercado europeu pode apresentar resultados ligeiramente diferentes. De qualquer modo, este é um bom ponto de partida para comparar os dados das suas campanhas de Facebook Ads e com médias do setor.
 
Para consultar mais dados sobre estudo veja o artigo Facebook Ad Benchmarks for YOUR Industry [New Data], do blog WordStream.


 







 




Autores
     
     
     
 
Formação Inesting