11.set.2012
Instagram: Da fotografia ao Marketing

Instagram: Da fotografia ao Marketing


A dispensar qualquer tipo de apresentações, o Instagram veio revolucionar o fotógrafo interior que existe em cada um de nós. A aplicação que transforma qualquer fotografia tirada com o telemóvel numa imagem digna de um profissional, começa já a ser levada a sério numa óptica para além dos flashes, a do marketing.

Lançado em outubro de 2010, esta aplicação gratuita permite aos utilizadores fotografar, editar e aplicar filtros às fotografias, quer seja apenas para realçar cores ou conferir às fotografias uma aparência vintage, por exemplo.

No entanto, para além de uma aplicação, o Instagram é também é uma rede social, sendo possível partilhar e armazenar as fotografias tiradas, seguir Photostreams de outros utilizadores - num modelo semelhante ao de outras redes sociais - sendo possível efectuar comentários e gostos.

No início de 2012, o Instagram tinha 15 milhões de utilizadores e estava disponível apenas para iPhone. Sete meses depois, a aplicação chegou aos modelos Android e actualmente, já tem mais de 80 milhões de utilizadores .
Esta forte adesão fez então com que o Instagram rapidamente ganhasse um grande potencial em termos de marketing.

Para as marcas a existência e popularidade destas soluções é tão mais importante quanto, existem estudos que demonstram que os conteúdos com imagens têm maior probabilidade de serem partilhados.
 
Por exemplo no Twitter 36% dos links partilhados são de imagens, e o Instagram é o segundo site mais usado para a colocação dessas desses conteúdos.
 

De acordo com um estudo recente levado a cabo pela Simply Measured, as marcas líder com um maior número de seguidores, são as marcas de luxo: Burberry, Tiffany e Gucci.

A primeira posição em termos de seguidores é a MTV com 813.201, seguida da Starbucks com 758.146. No entanto em termos de Gostos é a Nike a marca que lidera com 6.399.

Com contas de 40% das 100 marcas mais valiosas do mundo - de acordo com uma pesquisa da empresa de monitoramento de redes sociais Simply Measured – o Instagram pode ser bastante útil para reforçar o posicionamento de uma marca e, ao mesmo tempo, potenciar o engagement.

Abaixo encontram-se algumas dicas simples sobre como utilizar o Instagram numa óptima vocacionada para o marketing:
  1. Seja criativo: A criatividade é o ponto de partida para ser bem sucedido. Explore o lado visual tendo em conta a área de negócio. Esqueça gráficos, infografias e logótipos em excesso, os utilizadores do Instagram querem ver apenas fotografias. Destaque novas formas de utilizar seu produto, chamando a atenção para o mesmo de forma visual e criativa. Opte sempre por conteúdos originais e diferentes, não utilize fotos de terceiros. Se uma imagem não for suficiente para o que pretende mostrar, use a imaginação e faça uma montagem com várias.
  2. Mantenha a conta actualizada: Actualizar os conteúdos numa base regular é muito importante; de nada serve ter uma conta, se a mesma não é dinamizada.
  3. Interaja com o público-alvo: Responda e coloque questões, incentivando o diálogo com o seu público-alvo.
  4. Promova concursos: Incentive os seus clientes a inserirem fotografias baseadas em experiências com o seu produto/serviço. Poderá também optar por utilizar um elemento de interacção, incentivando as pessoas a votar na sua foto favorita.
  5. Acrescente hashtags: Insira hashtags para criar um tema ou adicione uma hashtag popular na descrição da fotografia para que possa atingir um maior número de visualizações.
  6. Espelhe o seu posicionamento: Transmita a personalidade da sua marca através de imagens, por exemplo a Red Bull faz isso mesmo colocando no Instagram as fotografias dos seus eventos desportivos para que seu público possa acompanhar.
  7. Não ignore técnicas de SEO: Dê um título às fotos com palavras-chave, incluindo alt tags, utilizando os recursos de edição do Instagram.
  8. Dê acesso aos bastidores: Siga o exemplo da Tiffany & Co e – caso se aplique - mostre toda a produção dos seus produtos através de fotografias e respectivas descrições.
  9. Partilhe nas redes sociais, sem ser excessivo: Partilhe as fotografias do Instagram no Twitter, Facebook, Flickr, ou outras em que esteja presente. Apesar da partilha ser encorajada, não deverá fazê-lo com todos os conteúdos. Evitar a repetição excessiva dos mesmos, caso contrário perderão o interesse com a duplicação de informação.
  10. Esteja atento: Veja e investigue exemplos de outras marcas que estão presentes no Instagram. Existem inúmeros casos de sucesso, entre eles: Starbucks, Burberry, Nike, MTV, entre muitas outras, de menor ou maior escala. O Instagram não funciona apenas para as marcas de topo.
O Instagram disponibilizada um centro de ajuda com todo o tipo de informação para quem está ou quer estar presente na mesma, podendo o mesmo ser encontrado aqui.




Fontes



Links


 











Artigos Relacionados



11.mar.2010
 
Benetton Procura Modelos Online
 
 
 
28.abr.2015
 
Programmatic ou a forma de gerir campanhas de publicidade
 
 
 
8.jan.2013
 
Formatos de Publicidade no Facebook – Histórias Patrocinadas e Posts Promovidos – Parte 2
 
 
 
18.jan.2011
 
Moda: O Marketing Digital é o novo Preto
 
 
 
5.mar.2013
 
Spotify já canta em Portugal
 
 
 
 




Autores
     
     
     
 
Formação Inesting